Serralheiro soldando ferro

Se você chegou até aqui é porque deseja saber o que é serralheria, bem como tudo o que envolve esse assunto, certo?!

Pois bem, assim como você, muitos brasileiros têm procurado saber mais sobre esse tipo de negócio.

Por conta dos excelentes rendimentos que ele pode oferecer.

Contudo, para trabalhar ou mesmo ter um negócio no ramo de serralheria é importante que você conheça mais a fundo esse mercado.

Desde o que faz um serralheiro, até questões salariais, como abrir um negócio de serralheria, quais equipamentos são necessários para montar esse tipo de negócio, dentre outras questões.

E para lhe ajudar nesse aspecto, reunimos nesse artigo tudo sobre serralheria.

Pegue papel e caneta…

…e vamos lá!

O Que é Serralheria?

De forma simples e clara, serralheria é uma fábrica de itens de metal e alumínio. Nesse local, são construídos vários itens, envolvendo processos diferenciados, como a solda, por exemplo.

Além disso, também são realizados pequenos serviços como polimento e pintura de objetos feitos de metal ou alumínio.

A maioria das peças produzidas dentro de uma serralheria, são destinadas à construção civil.

Como, por exemplo, portões, prateleiras, grades e muito mais.

Por conta disso que cada vez mais pessoas optam pela profissão de serralheiro.

Com o crescimento constante do ramo de Construção Civil, cada vez mais os serviços de serralheiro são requisitados.

O Que Faz um Serralheiro?

Agora que você já sabe o que é serralheria, vamos falar um pouco sobre a profissão de serralheiro.

Este é o profissional responsável pela produção das peças em metal ou alumínio produzidas dentro de serralherias.

O serralheiro pode atuar tanto com a elaboração de desenhos, quanto com a construção dos itens em si (corte, solda, pintura e etc).

Além disso, ele também pode atuar com o reparo de diferentes tipos de itens.

Para atuar dentro desse segmento, é necessário possuir uma série de habilidades relacionadas a criação de peças e manuseio de ferramentas.

Isso sem contar que o profissional precisa, além de conhecer o mercado, também se especializar na profissão.

Afinal, é necessário um amplo conhecimento sobre o manuseio de metais e alumínio.

Hoje em dia, é possível encontrar uma série de cursos online de serralheiro.

Eles ensinam do zero tudo o que precisa saber sobre a profissão e o negócio de serralheria em si, lhe ajudando a iniciar nesse ramo com o pé direito.

Quanto Ganha um Serralheiro?

serralheiro trabalhando

Uma das dúvidas mais recorrentes das pessoas que tem interesse em atuar na área de serralheria é quanto ganha um serralheiro.

A média salarial para um profissional do gênero é de R$ 1.576.

E a jornada de trabalho média é de 44 horas semanais.

Contudo, essa remuneração pode variar bastante.

Isso porque, é preciso levar em conta as várias oportunidades do mercado de trabalho.

Por exemplo, profissionais que abrem suas próprias serralherias ou participam de franquia de serralheria têm remunerações bem maiores.

Por isso, determinar quanto ganha um serralheiro é algo que vai depender do caminho que você deseja tomar em sua carreira.

Quanto Ganha um Auxiliar de Serralheiro?

Se você tem interesse em atuar nesse ramo, mas não deseja abrir um negócio próprio, ou mesmo trabalhar como serralheiro, outra possibilidade que existe dentro desse segmento de mercado é a de atuar como auxiliar de serralheiro.

Esse profissional tem uma média salarial de R$ 1.300.

Ele tem como principal função ajudar o serralheiro nas tarefas do dia a dia.

Desde o corte de peças até organização do espaço de trabalho.

Contudo, assim como acontece com o serralheiro, a remuneração nesse cargo varia bastante.

Isso porque ela depende do porte da serralheria, bem como da jornada de trabalho.

Como Montar uma Serralheria?

Agora que você já sabe o que é serralheria, bem como as pretensões salariais neste setor, e deseja abrir um negócio no ramo de serralheria, então saiba que para montar um empreendimento do gênero, você precisa desenvolver, inicialmente, um projeto de serralheria.

Esse é um documento indispensável para qualquer empresa, uma vez que é através do plano de negócios que se tem uma base real sobre todo o empreendimento.

Nesse planejamento, você deve colocar todas as informações referentes ao futuro negócio.

Desde a missão, visão e valores, até investimento necessário, capital de giro, metas, dentre outros dados.

Além disso, é importante que você realize uma pesquisa de mercado.

É através dela que será possível verificar a demanda da sua região, bem como a viabilidade do seu negócio.

Outra questão importante para montar a sua serralheria é investir em maquinário.

Sem os equipamentos adequados não há como manter esse tipo de negócio. E isso exige um investimento alto.

Equipe de Trabalho

Mais um aspecto que precisa ser levado em consideração é a equipe.

Muitos serralheiros optam por começar seus negócios como autônomos, e essa é uma alternativa.

No entanto, é preciso ter em mente que dependendo da demanda será necessária a contratação de mais profissionais.

Principalmente auxiliares.

Logo, isso também deve constar no seu plano de negócios.

Outro detalhe importante para montar uma serralheria que você deve estar atento é com relação ao Capital de Giro.

Ou seja, você precisa ter dinheiro suficiente não só para o investimento inicial, mas para a manutenção do negócio.

Entenda que o seu negócio, nos primeiros meses, precisa ter uma reserva, até começar a obter lucro.

Por isso, no seu plano de negócios você deve determinar quais são as despesas básicas que você precisa suprir para manter o seu negócio funcionando.

Atualmente, existem várias instituições financeiras com linhas de crédito próprias para quem deseja abrir o negócio próprio.

Inclusive, muitas trabalham com modalidades voltadas para MEIs (Micro Empreendedores Individuais).

Se tornar MEI é uma excelente oportunidade para quem deseja abrir uma serralheria. Isso porque essa modalidade oferece alguns diferenciais.

Para começar, você deverá pagar apenas um único tipo de tributo, o que já é bastante vantajoso.

Além disso, todo o processo de abertura de empresa é feito pela internet.

Sendo Micro empreendedor individual, você também poderá emitir notas fiscais.

Isso sem contar que será possível participar de licitações para prestar serviços para órgãos públicos.

A única limitação do MEI é em relação a renda.

O faturamento máximo deve ser de R$ 81.000,00 por ano, o que equivale a R$ 6.750,00, por mês.

Para quem está começando esse é um limite razoável.

Mas, se você expandir o seu negócio precisará se reenquadrar.

Nesse caso será necessário contar com o suporte de um contador para fazer toda essa parte de transição.

Equipamentos Necessários para Montar uma Serralheria

serralheiro com máquina soldando metal

Para montar uma serralheira, além do plano de negócios, você também vai precisar cuidar de outros aspectos essenciais para o bom funcionamento do seu empreendimento, como é o caso dos equipamentos.

A quantidade e tipos de equipamentos dependerá muito do porte do seu negócio.

Atualmente, existem muitas serralheiras que só trabalham com a confecção de portões.

Já outras confeccionam uma gama maior de produtos.

E isso interfere diretamente nos equipamentos necessários no setor de produção.

Mas, no geral, alguns maquinários e ferramentas são indispensáveis para quem deseja montar uma serralheria.

Confira abaixo quais são eles:

Furadeira de Impacto

Esse tipo de equipamento é muito importante dentro de uma serralheria.

Isso porque, é através dele que você poderá fazer perfurações em peças de metal, aço e ferro, mas sem danificar o material.

Lixadeira

A lixadeira é um equipamento voltando para a finalização de peças.

É através dela que você poderá fazer desbaste em superfícies.

Existem vários tipos de lixadeiras. Logo, antes de comprar esse equipamento é necessário avaliar as necessidades do seu negócio.

Esmerilhadeira

Essa é mais uma das ferramentas usadas para a finalização de peças.

Por conta da sua alta velocidade, ela consegue dar um acabamento melhor aos itens.

Ela pode auxiliar desde a parte de cortes até o polimento de peças.

Torno de Bancada ou Morsa

Esse é um equipamento multifuncional.

Isso porque, ele pode ser usado para diversas finalidades. Desde o acabamento até o corte de peças.

Dobrador de Tubo / Cano

Como o próprio nome diz, esse equipamento é utilizado para a dobragem de canos e tubos de metal, aço, ferro ou alumínio.

Ele acaba sendo indispensável para o desenvolvimento de peças.

Sem ele, é praticamente impossível confeccionar qualquer coisa.

Máquina de Solda

Mais um dos equipamentos necessários para montar uma serralheria é a máquina de solda.

É através desse maquinário que você poderá unir diferentes peças em uma única estrutura.

Essa união é feita de forma permanente, o que é essencial em algumas peças do setor industrial ou de construção civil.

Além de todos esses equipamentos, é preciso ter em mente a necessidade de investir em ferramentas mais simples.

As chaves de fenda, por exemplo, são indispensáveis para os trabalhos diários.

Tudo vai depender do seu tipo de negócio.

O ideal é que no seu plano de negócios você já faça um levantamento dos tipos de equipamentos que serão necessários para a sua serralheria.

Isso porque, existem diversos modelos voltados para empresas de diferentes portes.

Com os avanços tecnológicos, também têm sido lançadas máquinas otimizadas que, além de facilitarem todo o trabalho, ainda geram redução de custos.

Dicas Para se Tornar um Bom Serralheiro

Para ser um bom serralheiro, é importante que você coloque em prática algumas dicas.

É através delas que você terá a chance de se preparar melhor para esse mercado em constante crescimento e que pode lhe gerar excelentes rendimentos.

Para lhe ajudar, separamos abaixo algumas dicas!

Faça um Curso de Serralheiro

Uma das principais dicas para quem deseja atuar nessa área é fazer um curso de serralheiro.

Muita gente tenta ingressar no mercado sem qualquer tipo de especialização e acaba encontrando muitas dificuldades.

Isso porque, esse é um nicho bastante exigente. Qualquer erro em uma peça pode gerar prejuízos para o cliente, sem levar em conta o risco.

Por isso, se você quer ser um bom serralheiro a primeira coisa a se fazer é um curso.

A web abriu uma série de oportunidades para quem deseja se capacitar.

Tanto que você pode encontrar várias alternativas de treinamento online, que lhe darão todo o embasamento necessário para ingressar nesse nicho.

Obtenha Experiência no Segmento

Se você deseja se tornar um bom serralheiro, também é indispensável obter experiência no segmento.

Isso porque, além do embasamento teórico que você irá aprender durante o seu curso, é necessário colocar esses ensinamentos em prática.

Logo, é recomendado que antes de abrir o seu próprio negócio você ingresse em serralherias.

Geralmente os profissionais recém-formados conseguem ingressar como auxiliares e com o tempo se tornarem serralheiros chefes.

Além disso, você também pode tentar estágios durante o seu curso.

O importante é obter essa experiência prática.

Invista em Aperfeiçoamento Constante

Muitos profissionais acreditam que basta fazer um curso na área para ser um bom serralheiro.

No entanto, um profissional de qualidade sempre está em busca de aperfeiçoamento constante.

Por isso o curso é apenas o primeiro passo.

Após ele você deve continuar sempre estudando e aprofundando os seus conhecimentos.

Até porque, em um curso convencional você terá apenas uma visão gerar sobre as funções e elaboração de peças.

Para conseguir atuar no mercado de trabalho será necessário se especializar.

Aprenda a Mexer em Programas de Criação de Peças e Modelagens

Um bom serralheiro não sabe apenas cortar e unir peças de aço.

Ele também precisa ter conhecimento sobre a parte técnica de criação delas.

Por isso, não deixe de aprender a mexer em programas de criação e modelagem de peças.

Atualmente existem vários softwares do gênero que são indispensáveis no dia a dia de um profissional.

O bom é que, com o curso de serralheria, você também poderá obter esse tipo de conhecimento.

Ou seja, você poderá aprofundar seus conhecimentos.

Saiba Usar o Marketing Digital ao Seu Favor

Essa é outra questão importante para os profissionais que desejam se destacar.

Se você realmente quer mostrar o seu trabalho e obter rendimentos maiores, você precisa usar o marketing digital ao seu favor.

A verdade é que hoje as pessoas utilizam a web para praticamente tudo.

Inclusive para pesquisar sobre serviços de serralheria.

Logo, se você quer ser um bom serralheiro e se destacar no mercado, é necessário usar o marketing digital ao seu favor.

Através dele que será possível estabelecer um lugar no segmento, e mostrar todo o seu potencial!

A profissão de serralheiro, de maneira geral, é bastante exigente no que diz respeito a conhecimento.

Se você quer ser um profissional de qualidade, precisará investir constantemente em atualização.

Somente assim você poderá obter a experiência necessária para abrir o seu próprio negócio.

Conclusão

Nesse post, você pôde conhecer um pouco mais sobre a área de serralheria.

Desde sua definição, até as pretensões salariais de quem trabalha nesse ramo, bem como o que é preciso para montar uma serralheria e o que precisa fazer para ter sucesso nessa profissão.

Agora é colocar a mão na massa e adotar as dicas e recomendações dadas nesse post, para fazer o seu desejo se tornar realidade!

Esse post sobre o que é serralheria te ajudou?

Então aproveite para deixar o seu comentário!

11 respostas a “Serralheria: O Que é, e o que Faz um Serralheiro? Reunimos Todas as Informações Sobre o Assunto pra Você!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 4 =